Damon continua avançando à procura de Devian sem obter sucesso até que encontra uma dríade, após conversarem eles combinam que ela o ajudará a encontrar Devian se ele vencer o Dilacerador Cinzento que vive na região. Damon concorda e derrota o Dilacerador com relativa facilidade. Após isso, Damon percebe estar sendo observado e encontra com a batedora do reino de Kiev que o havia interrogado antes. Após conversarem, ambos decidem dividir os tesouros que o Dilacerador guardava. Explorando a sua caverna eles descobrem uma passagem secreta e nela encontram um filhote de Dragão Verde bastante enfraquecido. Após o alimentarem com a carne do Dilacerador, eles decidem manter o segredo e Damon conquista a kievista dando-lhe um beijo.

Herick parte com o rapaz que libertou até a cidade subterrânea e lá descobre o que realmente aconteceu com a protegida de Falkart, tenta se comunicar com Augustus mas não obtém sucesso e decide aguardar um tempo com o jovem na cidade subterrânea.

Varys chega em Falkart e tenta apaziguar os ânimos do rei Astor Kairus e seus filhos. Após algumas rodadas de negociações Varys convence o rei a se acalmar em troca de severas punições a Hilgram e a garantia de uma casamento de Falkart com uma nobre de Hilgram para garantir passe livre de Falkart pelas terras geladas. Depois das negociações, Varys parte para Hilgram.

Diorgio aguarda o retorno de Augustus em Torgau. Após a chegada do príncipe, este comanda Diorgio a liderar investidas contra vilarejos de diversos reinos, revelando ele mesmo ter começado isso e comandado seus aliados a fazer o mesmo. Diorgio então parte de Torgau sem a identidade de membro do Exército Negro.

Átila organiza as defesas de Hilgram e convoca uma linha de vassalos que vivem ao norte, acostumados a defender contra os gigantes a auxiliar nas defesas de Hilgram contra qualquer ataque. Estes que estavam em Hilgram revelam terem descoberto alguns infiltrados de Falkart.

Diorgio lidera os ataques as vilas matando dezenas de inocentes e queimando 2 vilarejos do reino de Tristam. No caminho ele percebeu diversos contingentes de orcs se locomovendo.

Hector é enviado para defender as fronteiras de Falkart onde um bando numeroso de orcs havia sido avistado. Ao chegar no local, o príncipe percebe que o número é 3 vezes maior que o informado e se vê em situação complicada. Para completar, percebe o Exército Negro no limite da fronteira com Torgau, e após pedir auxilio, Augustus revela a ordem do rei Vector para que o Exército Negro não ultrapasse as fronteiras da capital. Após um combate duro e a derrota parecer ser certa, Hector tenta fugir com seus homens na direção das terras de Torgau, porém o príncipe se enfureceu com a inércia de Augustus perante o massacre e decidiu atacar o príncipe, matando seu Pesadelo. Após o destempero, o príncipe de Falkart foi morto pelo Senhor dos Mortos com um único golpe.

Varys continuou observando a batalha com um de seus corvos e percebeu um homem conjurar um demônio, que liderou os orcs a atacar o exército negro. Durante o combate, este e Augustus se enfrentaram e Augustus saiu gravemente ferido do combate. Porém o exército negro venceu os orcs sem maiores dificuldades.

Varys chega até Hilgram e revela ao Leão os termos de paz exigidos por Falkart. Átila demonstra descontentamento, mas após Varys ser duro nas palavras, o Leão aparentemente decide acatar a decisão. Varys revela do conselho com todos os reinos que está marcado para 15 dias e pede a presença do Leão do Norte, que confirma.

Anúncios